terça-feira, 15 de setembro de 2009

A EXPLICAÇÃO DEVIDA

Minhas queridas amigas, meus prezados amigos:

Esta minha tão longa ausência não se deve, na totalidade, a férias, que acabaram há imenso tempo!!! Já estou a precisar de mais, não tarda nada…
Acontece que tive uma oferta de trabalho, que considero irrecusável, e que estive a analisar muito a sério, na medida em que implica saída do país, com os inconvenientes que isso acarreta para quem tem família constituída: casa para morar, colégio para a filha, etc., etc.
Ausentei-me do país – fui até aos Estados Unidos – observar “in loco” local e condições de trabalho, e tudo o mais que me parece aconselhável tratando-se de uma mudança tão radical.
Como cheguei à conclusão de que tudo é, aparentemente, razoável, estou decidido a avançar para esta aventura.
Estou com esperança que tudo dê certo, e conto convosco para fazerem uma “forcinha” nesse sentido.
Não tenho ainda data marcada para partir. Como espero ter uns diazitos mais ou menos disponíveis, pelo menos com ALGUM tempo disponível, antes de abalar, vou tentar programar meia dúzia de posts para irem sendo publicados; depois de devidamente instalado lá na minha nova morada, espero, mesmo do fundo do peito, poder contactar convosco, pelo menos de vez em quando.
Gostava de vos agradecer o carinho e amizade com que me receberam neste maravilhoso mundo da blogosfera, e dos quais (carinho e amizade) continuaram a dar-me provas todo o tempo.
Muito francamente não sei como fazê-lo. Usar “chavões” mais do que batidos penso que seria um insulto à vossa inteligência.
Por isso direi apenas: muito obrigado! Levar-vos-ei comigo, no pensamento. E no coração também, porque não dizê-lo?
Vou tentar publicar um post ainda hoje. Se não for possível, será amanhã.
Um abraço especial de despedida, e beijos para as minhas amigas.
Botinhas

15 comentários:

Daniel Costa disse...

O Botinhas

A Mariazita, é das nossas. Os amigos nunca esqueçem o que desejamos é sorte e muitas felicidades.
Beijos, para ela.
Daniel

elvira carvalho disse...

Desejo sinceramente que tudo lhe corra bem. É triste que as pessoas tenham que deixar a sua terra e o seu país, para ir procurar melhor vida no estrangeiro, mas sempre assim foi e sempre será.
Que consiga tudo o que deseja, que seja muito feliz, e que se lembre de dar notícias de vez em quando.
Um abraço

Oliver Pickwick disse...

Se já foi pensado, repensado e tri-pensado, e chegou a conclusão que isto é o melhor, keep the beat!
A melhor das sortes para você e a sua família.
Um abraço!

In Cucina disse...

Querido amigo Botinhas, estava estranhando sua ausência, mas agora fico feliz em saber o motivo.
Desejo-lhe muita sorte e que seja uma bonita e proveitosa experiência!
Acredito que também terá tempo de postar algumas piadas de vez enquando para que possamos rir muito, afinal acho que não será muito difícil encontrar algum tempinho, não é verdade? Inclusive postar algumas das suas experiências vividas na sua nova moradia. Hoje é bem mais fácil mudar de país, pois as distâncias se tornaram pequenas.
Bem, boa sorte, muitas felicidades e até breve.
Um grande e carinhoso abraço brasileirto, Teresa

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Ah Botinhas, uma pena. Mas saiba que nossa casa sempre estará aberta para esse seu bom humor fantástico.

Sucesso!

Rebeca

-

Desnuda disse...

Heeeeeeeeeeeeeeeeeeeee! Custei mais cheguei! Conexao péssima! Já estava nervosa pra voar ate aqui. Botinhas, meu coração está ligado ao teu. E estaremos de alguma forma ligados. Creio nisso. E na totalidade do meu coração inteirinhooooooo eu lhe desejo toda a sorte e felicidade do mundo! E muita saúde para que voce realize todos os seus objetivos de vida junto a familia. Que voces tenham muitas alegrias!!! Mas não gosto de despedidas... Então vou indo agora..Mas volto! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Muitos beijos, meu carinho e fica com Deus!!! Adoro tu , tatuuuuuuuuuuuuuu!

BOTINHAS disse...

Daniel, amigão
Tens toda a razão quanto à nossa amiga Mariazita. Aliás, ela é a minha melhor amiga, no que sinto muito orgulho.
Ela tem andado um bocado "em baixo" mas em breve estará sã como um pêro!
Vou dar-lhe os teus beijos.
Obrigado por tudo, amizade incluída, claro.
A gente vê-se por aí...

Abraço fraterno
Botinhas

PS - Espero-te no post de hoje

BOTINHAS disse...

Elvira, minha amiga
Muito obrigado pelos seus votos.
Na realidade não vou dizer que sair do meus país era o que eu mais ambicionava, mas... por vezes temos que fazer sacrifícios com vista a uma vida melhor.
Quando a minha filha se tornar independente, o velho pai regressará à pátria... :)))
Sempre que me for possível darei notícias.
Espero vê-la no post de hoje.

Abraço fraterno
Botinhas

BOTINHAS disse...

Oliver, amigão
Sim, a decisão está tomada, que é como quem diz "os dados estão lançados". Agora é aguardar, esperando que rolem direitinho...
Obrigado pelos seus votos.
Continuaremos a contactar.
Espero a sua visita no post de hoje.

Abraço fraterno
Botinhas

elvira carvalho disse...

Ninguém sai amigo. E depois as saudades são tantas que até sonhamos com a nossa terra. Mas depois as saudades vão diluindo, fazemos novas amizades, e quando voltamos ficamos divididos. Eu sei do que falo porque já vivi longe de Portugal.
Quanto ao voltar não sei não. Tenho amigos que pensavam como você, e que os filhos cresceram, arranjaram emprego, casaram tiveram filhos, e não quiseram voltar mais a Portugal.
E quando assim é os pais também não voltam. Porque não há nada mais triste do que viver longe dos filhos e dos netos.
Um abraço

BOTINHAS disse...

Querida amiga Teresa
Obrigado por seus votos, e por sua amizade e carinho.
Vai continuar a ver-me, com certeza, pois tenciono ir dando as caras sempre que seja possível.
Afinal, neste mundo da blogosfera as distâncias não existem, não é verdade?

Conto ver você no post de hoje.

Um carinhoso beijo e abraço fraterno
Botinhas

BOTINHAS disse...

Oi Rebeca
Obrigado por manter abertas, para mim, as portas de vossa casa.
Sempre que tenha oportunidade irei visitar-vos.
E assim sendo, conto também convosco no meu post de hoje.

Abraço fraterno
Botinhas

BOTINHAS disse...

Sarita, minha querida
Apesar de não ter ouvido aquelas risadas que me pôem sempre tão bem disposto...como gosto de te ver!
Eu sei que a conexão por vezes não é fácil.
Felizmente o mesmo não acontece à conexão entre os nossos corações.
Eu também tenho tu guardadinha num cantinho especial do meu.
Também eu não me despedi de ti. Por isso te aguardo.
Um beijo com todo meu carinho
Botinhas

BOTINHAS disse...

Amiga Elvira
Como eu a compreendo!
Eu também já vivi fora de Portugal algumas vezes, ainda que por pouco tempo.
E tem razão, as saudades são muitas, quando se está fora.
Concordo que quando os filhos crescem e constituem as suas próprias famílias se torna mais difícil voltar ao "velho lar"; e sei que muitas pessoas acabam por ficar lá.
Apesar de tudo isso...vou com a esperança de regressar um dia!
E havemos de nos encontrar nessa altura (se as pernas ainda mo permitirem...) para lhe provar que eu é que tinha razão :)))

Um grande abraço fraterno
Botinhas

com senso disse...

Caro Amigo Botinhas

Quero deixar-lhe um forte abraço, desejando-lhe toda a sorte e felicidade nesse novo recomeçar, do outro lado do Atlântico.
Vai para um país fantástico, onde todos os sonhos são possíveis.
Espero que os concretize e que vá dando notícias... Afinal a vantagem da internet é mesmo essa: eliminar as distâncias.
Muitas felicidades para si e todos os seus